Páginas

quarta-feira, 14 de dezembro de 2011

Amargo sonho

É incrível como às vezes você tá bem, ou simplesmente pensa que está. Aí vem um certo alguém, diz uma ou outra palavra, ou comete um pequenino erro, e aquilo ACABA com seu dia, com sua noite de sono, com seu humor, e com o pouco de esperanças que você estava. Ah. Com a auto-estima também.
Mas por hoje, MAIS UM DIA descendo seco, não vou estragar. É você merece.
Qual o problema em calar mais algumas vezes... mais algumas palavras, mais alguns ANOS?


Feliz demais num dia... um mel...
e um copo de aguardente descendo pela sua goela no outro.


Essa vida é uma realidade muito a mostra.
Por isso eu prefiro sonhar que um dia não vou acordar desse meu sonho.
Por isso prefiro sonhar que um dia a vida será um pouco mais sonho.
Por isso sonho em poder realizar algo diferente dessa realidade.
Por isso queria realizar essa vida como um sonho.
Por isso prefiro pensar no delicioso doce (sonho) ao invés de mentalizar a amargura da realidade.






Querido Travesseiro... espero que você tenha bons lugares pra me levar hoje. Seja cordial, e cavalheiro, por favor. Faça-me esquecer. Em você hoje vou afundar.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Diálogo?