Páginas

quarta-feira, 25 de maio de 2011

Aonde se encontra a chave?

Inicio de amizade ainda, a Ka tinha o cabelo mais curto, a Caudia tinha penteado de Cleópata, a Na ainda tinha cabelo meédio e eu, tava deixando a tinta vermelha sair!

...Que me devolverá, o sentido das palavras, ou uma imagem familiar!?

Esse trecho da música do Frejat, descreve, é quase como se eu não precisasse dizer. Saudades, aquela velha palavra. Fondueda com momentos momentâneos!
Minha cabecinha têm martelado emcima da ideia de amizade.
E há pouquíssimo tempo atrás, descobri um magnetismo. Sabe, a gt nem conhece a pessoa... mas quer ela pra você. Isso não tem nome, e o pior, não sei como agir! Não fazer nada é pouco... preciso fazer alguma coisa... mas então porque? porque eu me sinto com as mãos tão atadas?!

She is everything to me - Claudia
É quase como se eu tivesse adentrado numa máquina do tempo. Fechei os olhos no meu quarto escuro e sonhei... sonhei em imperar sobre o relógio! Em ser sua rainha por um dia! Eu voltaria pr'aquela época, onde éramos 4, com uma AMIZADE, com uma linda história...
Ah eu suspiro quando me recordo do colegial!
Eu vivia tão bem e tão feliz... eu tinha um lugar meu pra sentar, tinha capas de caderno pra assinar, tinha TREÊS ABRAÇOS, todo dia de manhã! e companhia por meio dia, pelo menos!
Quer dizer, dois abraços e meio pq a Ka não era melosa. jsaijaiojsaios
Ah que saudades das minhas biólogas, e da minha complexada.
Daquela garota que se achava gorda e da branquela. Da amarela tbm. Aliás tinhamos nossas cores: marron, amarelo, laranja e branco!
Que aperto no coração! não nos reunimos mais que uma unica vez depois daquilo.
Nos últimos dias, acima de TUDO, tenho sentido falta de vocês! Da amizade que nós tínhamos.

Cheguei à conclusão que talvez estivesse cobrando o amor que vocês me davam de outras pessoas. MEu inconsciente tentou recriar vocês! Eu sou doente e maluca!
E nem elas nem eu merecemos isso.
É por isso que às vezes penso em sacrificar tudo, até que eu mesma, tenha noção, tenha saber, e ciência do que tenho procurado em minhas amigas!

Do lado de vocês eu me sentia segura e amada.
Até que eu encontre uma explicação pra: Daonde é que vem o amor que eu sinto por aquela garota? Porque eu não consigo simplesmente jogar tudo pro ar? POrque eu não QUERO fazer isso? Porque eu prefiro sofrer td dia com ela do que sofrer todo dia sem ela?
E aquela minha "cara estranha", vai durar ainda algum tempo... porque eu não tenho paz enquanto não encontrar as minhas respostas... enquanto eu não resolver isso...
Enquanto eu mesma, não for digna de ter amigas novamente.

Claudia, Karen, Naiara: eu sempre amarei vocês. Longe, perto, vendo vocês ou não, mantendo contato ou não. Vocês me fizeram feliz.
Eu me sinto tão estranha lá. Queria vocês de novo cmg pelo menos essas 4hrs diárias!

Eu sei que uma rede invisível irá me salvar...
Eu salto pro alto eu vou em frente, de volta pro presente! :(

Um comentário:

  1. Tudo o que vivemos é úinco, e imortal

    Porque você sempre vai ser tudo pra mim, o sonho inquieto, a música que ninguém canta, o inatingível.

    Um MITO no qual sempre vou acreditar, a quem sempre vou adorar.

    Te amo Nina!

    ResponderExcluir

Diálogo?