Páginas

terça-feira, 24 de agosto de 2010

Sorriso Sóbrio


Há alguns dias atras me peguei filosofando sobre uma Ana que existiu um dia.
Não é de hoje que eu cito aki, que eu passei por várias transformações na minha vida.
Me peguei lembrando da época que eu saía, tinha horário pra voltar, mas sempre quebrava as regras, porque nao me dou bem com nenhum tipo de autoridade. Mas sou autoritária (y).
Que eu saía com meu skatinho da mary jane rosa, e tomava umas par delas. Uns grogue.
Me perguntei então WATAFIFI EU PRECISAVA BEBER!?
Curioso mesmo era que não me fazia bem ¬¬'
Ao contrário. No meu estado normal eu sou maluuuca, sorridente. E no meu estado alcoolico eu ficava melancólica, triste, e não alegrinha.
Acho que a bebida ME MASCARAVA. Nunca bebi pra ficar bebada. Mas se a intenção nao era essa ENTÃO PORQUE EU BEBIA!?
Acho que é porque todos os meus amigos dali bebiam. Mas o resultado nunca era bom, e chegava a ser patético. Vomito nos banheiros, pernas trançando, tombos de vulnerabilidade, vista destorcida, e palavras sem sentido nenhum.
Eu ainda não tinha uma coisa que se chama personalidade. Apenas FAZIA POR QUE OS OUTROS TAMBÉM FAZIAM.
Mas ao mesmo tempo é dificil aceitar que a desculpa era essa, porque qdo eu nao tava afim de alguma coisa, eu realmente nao fazia.
Depois de me afastar daqueles "amigos", eu me afastei tbm do alcool que nunca me fez bem. Aquele negócio só me ajudava a esconder quem eu sou. Tão fraca. Uma fraqueza desmedida que escondia atrás de um liquidozinho transparente que me dava tremendas dores de cabeça depois.
EU NÃO ME ENTENDIA. Mas eu via naquilo uma maneira de chamar atenção dos meus amigos, pra eles verem qe eu era carente. RIDICULO.
E CONTINUO NÃO ENTENDENDO O QUE SE PASSA COM ESSES GAROTOS de hoje em dia, que DISPUTAM pra ver quem bebe mais, ou que até mesmo dita marca por marca, rotulo por rotulo daquilo que bebeu no fim de semana ¬¬'
E é incrivel como quanto mais eles entendem disso, quanto mais eles ingerem isso, MAIS FODÕES ELES ACHAM QUE SÃO. O "ser patético" que eu citei ali encima começa por aí. PRESTA ATENÇÃO, QUEM BEBE MAIS, É MAIS FODA DA TURMA ¬¬'
não faz sentido pra mim. A garrafa mais parece um trofeu cm a qual muitos saem desfilando por aí. Além disso, vulgarizar a imagem feminina chega a ser doloroso. Como se fossem "DUAS COISAS QUE OS HOMENS CONSOMEM!" ¬¬'
O primeiro motivo por eu odiar o alcool ou qualquer outra substancia é QUE ELES MASCARAM O QUE VOCÊ É DE VERDADE. Eles escondem akilo que você está sentindo, quando na verdade essa sua atitude de beber pra ficar feliz significa que você não é bom o suficiente pra construir sua propria felicidade, SIGNIFICA SE HUMILHAR, MOSTRANDO SUA FRAQUEZA INCONSOLÁVEL A TODOS. Não há segredo da alma que o comportamento não revele.

Eu nunca bebi porque me mandaram beber. Eu tive personalidade. A personalidade errada. Mas tive. BEBI PORQUE QUIS. E não entendo porque [?]
Já que eu sou LOUCA, maluca, que eu do risada de nada, literalmente, eu falo com as arvores as vezes, e nunca precisei de etanol reagindo com o sangue nas minhas veias pra pular, ou até mesmo ser bem infantil e falar como criança.

Nunca mais bebi "pra ficar alegrinha!"
Hoje quando me oferecem no maximo eu "molho" o bico, com um vinho fraco ou uma cerveja. NADA QUE MUDE MEU JEITO DE SER. porque qualquer coisa que altere quem eu sou de verdade me incomoda. Seja bebida, roupa, OU PESSOAS.

Porque é tão dificil as pessoas admitirem o que são? Não moldar sua opinião a dos outros. Odeio quando alguém diz que vai votar na Dilma porque ela ta na frente das pesquisas ¬¬' PO VOTA EM QUEM VOCÊ QUER. QUE DROGA! VOCÊ TEM ESSE DIREITO. (nao vo me aprofundar pq vai ter um post só pra isso.) Asiim como tme o direito de cuidar de você mesmo. De zelar pelo seu bem. Se for pra fazer papel de idiota, faça sorrindo sobriamente. Eu sei bem como é isso ;D
Porque a maioria das pessoas são maria vai com as outras!? porque não tem sua opinião formada independente?
Qual o objetivo dos jovens de hoje em dia, se curvando a coisas mundanas para agradar os que estão a sua volta, achando que são os tais!?
Eu nao curto a Pitty, mas o "mesmo que seja, estranho, seja você, mesmo que seja bizarro!" faz sentido.
PORQUE SE TORNOU TÃO DIFICIL FAZER A DIFERENÇA?

Um comentário:

  1. Sabe, começo a pensar que as pessoas não agem da maneira que realmente são porque tem medo de não serem aceitas pelas outras pessoas, e por isso fazem o que todo mundo faz!

    Afinal, se todo mundo faz, é porque todo mundo aceita...

    Já vi também muita gente que bebe (ou fingem que bebem) para fazerem coisas que não fariam em seu estado normal, dizendo depois que estavam bêbadas, que estavam "muito loucas".

    Coragem. É isso o que falta. Coragem para admitir quem você é de verdade e para arcar com as consequências de seus atos.

    ResponderExcluir

Diálogo?