Páginas

terça-feira, 24 de novembro de 2009

O amor é genético!!!


Isso!!! como só agora eu fui perceber isso? o amor é uma doença hereditária, transmitida genéticamente para todas as gerações! :0
Sim, sim, o gene do amor está dentro de nós esperando para se manisfestar...
Nossos avós amaram, nossos pais amaram, e nossa vez chega... A árvore genealógica é também uma arvore de amor.
maais que isso, o gene do amor é dominante ligado ao sexo! iuahsuiah, e ligada ao cromossomo 2!
E existem 2 espécies de doença: O AMOR CORRESPONDIDO E O NÃO CORRESPONDIDO!
Qualquer um dos tipos da anomalia manifesta os seguintes sintomas: bobice, distração, vontade constante de chorar ou de rir, atração por um outro ser da mesma espécie, aceleração dos batimentos cardíacos, aluscinações, em alguns casos até suicídio!
Se a "doença" ainda não se manifestou em você, espere tranquilamente, é normal que alguns demoreem mais! É só ter paciência, que esta anomalia, a mais querida e comentada por todos os seres humanos, chega para qualquer ser humano. E também para as outras espécimes.
TODOS NÓS SOMOS PORTADORES DO GENE DO AMOR.
Essa linhagem nunca se extinguirá...

segunda-feira, 23 de novembro de 2009

Oi

Hoje eu tô afim de ser espontânea. Queria conversar, mas eu trabalho numa biblioteca, e no pc daqui tem net, mas o msn é bloqueado. Antes era bloqueado os blogs tbm ¬¬'
Ainda bem que desbloqueou...
Hoje, nada preparado pra postar aqui, tô escrevendo conforme as coisas vêm na cabeça..
Eu sou uma poeta de momentos, ás vezes saem textos lindos, que eu olho e nem acredito que fui eu que fiz. Outras vezes eu escrevo e sai uma coisinha tão mixuruca, COMO HOJE! oiasjsiajso
Sou uma poeta de fases. Definitivamente, e não estou em uma fase muito criativa. Estou em fase de contestação de valores, de questionamento da vida. Estou em fase de crescimento, auihsiuahs. Minha vó dizia isso quando eu bebia mais leite que o normal, e segurava a pontinha das fraudas passando-as sob as unhas.
Eu até andei tendo uns momentos poéticos, eu andei fazendo poesias críticas, todas elas vinham a minha cabeça e escapavam logo em seguida, vou começar a andar com um caderninho de anotações pra anotar minhas filosofias, antes que eu as esqueça.
Ou então fazer como eu fazia antes... Andar pelas ruas prestando atenção nos pés e falando sozinha comigo, repetindo meus pensamentos pra decorá-los até ter um lugar pra escrevê-los, e aceitar os olhares de "essa menina é louca!" aiuhsuiahsiua.
Ás vezes é bom escrever assim, a espontaneidade faz com que a gente escreva coisas com sinceridade. Quando a gente não pensa pra falar, é quando a gente diz o que vem do fundo. O PENSAMENTO É UMT IPO DE FILTRO, você para pra pensar e então seleciona o que vai dizer. Isso é bom, é ótimo, pra não magoar as pessoas, porém existem muitas pessoas que precisam abolir esse filtro. O mal uso dele pode tornar uma pessoa muito falsa.

quarta-feira, 18 de novembro de 2009

ERA perfeita simetria

Toda vez que toca o telefone
Eu penso que é você
Toda noite de insônia
Eu penso em te escrever
Pra dizer
Que o teu silêncio me agride
E não me agrada ser
Um calendário do ano passado
Prá dizer que teu crime me cansa
E não compensa entrar na dança
Depois que a música parou
A música parou (Parou!)

Toda vez que toca o telefone
Eu penso que é você
Toda noite de insônia
Eu penso em te escrever
Escrever uma carta definitiva
Que não dê alternativa
Prá quem lê
Te chamar de carta fora do baralho
Descartar, embaralhar você
E fazer você voltar

Ao tempo em que nada
Nos dividia
Havia motivo pra tudo
E tudo era motivo pra mais
Era perfeita simetria
Éramos duas metades iguais
Ao tempo em que nada
Nos dividia
Havia motivo pra tudo
E tudo era motivo pra mais
Era perfeita simetria
Éramos duas metades iguais

O teu maior defeito
Talvez seja a perfeição
Tuas virtudes
Talvez não tenham solução
Então pegue o telefone
Ou um avião
Deixe de lado
Os compromissos marcados
Perdoa o que puder ser perdoado
Esquece o que não tiver perdão
E vamos voltar aquele lugar
vamos voltar

[refrão]

Vamos voltar
Vamos voltar
Vamos voltar
Vamos voltar

Ao tempo em que nada
Nos dividia
Havia motivo pra tudo
E tudo era motivo pra mais
Era perfeita simetria
Éramos duas metades iguais

~>ENGENHEIROS DO HAWAII - PERFEITA SIMETRIA

terça-feira, 17 de novembro de 2009

Não é meu dia!

Aii não é mesmoo.
Briguei com meu namorado por causa de uma impressora! auhsiuashiqa, depois de repente me veio aquela maldita onda de trissteza que ataca a gente do nada, e fica lá umas 3 horas! Aquele tédio, decidi ler os 2 ultimos capítulos de Eclipse, e pra acabar chorei no fim do livro! auishaiushiau
Como depois a tristeza veio de novo, eu decidi me obrigar a pensar em alguma coisa pra ver se melhorava e esquecia.
Pois minha reflexão acabou me levando a conclusão de que eu estou sozinha, e que nos últimos dias, tenho a sensação de que não existo mais, parece que as pessoas passam por mim sem me notar, não me olham, não falam mais comigo, é exatamente como se meu corpo estivesse ali, mas eu não tivesse sendo vista! por um lado isso é legal. por outro acentua em mim a ideia de que sou insignificante!
Tem dias que nada dá certo mesmo. Não tem mais faculdade de história na fundação e eu perdi a prova da USC, não tem em escola publica aki perto, só em Assis e isso já é longe! ='[
Até a luz do poste da rua apagou quando eu passei embaixo!
Pra completar minha melhor amiga me tirou umas 3 vezes hoje!
e eu lembrei que todos esquecem meu aniversário.
Cansei de ser idiota e amar os outros sabia? Mas não consigo deixar de ser idiota e continuo amando a muita gente. Na maioria das vezes ninguém me ama com a mesma intensidade! ^^
Ahh mas tem que ir levando. Aliás, essa insignificância se tornou uma companheira, eu tive de aprender a conviver com ela, aprender a disfarçá-la, aprender a superá-la.

MAS EU ACHO QUE TODOS TÊM DIAS ASSIM.

sexta-feira, 13 de novembro de 2009

DEMOCRACIA soa tão bonito!

Quer saber? Meu post anterior foi sobre história! Esse, não será muito diferente.
Alguns meses atrás, defendia a teoria anarquista do "votar nulo!"
éé. Eu não conhecia a história do meu país.
Eu descobri que lutaram muito pela tal da democracia! Como soa bonitoo né? eu acho essa palavra linda! Mas, na verdade, eu não dava muito valor pra ela. A minha linha de pensamento era a seguinte: "Bom, não conheço nenhum político honesto, todos eles tem um lado da ficha suja! Então, não vou votar em ninguém, pra não piorar o país!" Mesmo assim, votando nulo, a gente também não MELHORA o país.
Agora minha linhagem de pensamento mudou: "Já que todos eles são corruptos ou sujos, vamos escolher o menos pior!"
É dificil acreditar em uma pessoa que comande honestamente esse nosso pedação de terra! Quase todos eles pisam fora da linha! Como escolher?
Mas antes assim, do que nada, pois só agora percebi, que talvez, eu estivesse sendo sem opinião. Eu aprendi a ver as coisas criticamente, aprendi a ter consciência, a conhecer meus direitos, e a escolher um lider, se é que esse nome é "correto!"
O que ajudou foram as ultimas aulas de história, e em particulçar, tudo que eu estudei! iuahsuihsa pra variar! Eu só vi que muita gente deu o sangue por essa palavra que eu acho bonita! Muita gente MORREU por ela, LUTOU por ela, e eu devo esse direito a eles. NÃO POSSO DEIXAR QUE SIMPLESMENTE ESSA LUTA NÃO TENHA EFEITOS! NÃO POSSO DEIXAR DE HONRAR O QUE ELES FIZERAM.
Eles deram o poder na mão de quem ("pensávamos") merecia. Mas hoje que valor a gente dá pra isso? Eu pelo menos não dava. Além, ganhamos o direito de opinar, no futuro, e de que valeu? O que eu ouço é todo mundo dizer que odeia política. Que contradição! EU ODIAVA POLITICA, hoje não posso dizer que não dou importância a ela. Se eu quero mesmo fazer história, devo questionar, e devo interagir. COMO AS PESSOAS MUDAM. éé, pode falar que o post é chato. Não é só você que não curte o assunto.
Talvez esse seja um dos principais motivos pela qual nosso país está assim! =/

sexta-feira, 6 de novembro de 2009

Está muito tenso agora!

Gentee do céu, domingo é a prova do vestibular!
Desesperei. vi que tenho inumeras coisas pra relembrar, sei que nm vai dá tempo, tenho medo da redação, tenho medo de tudo!
Tenho medo de vestibular.
Quero superar isso!
Não sei qual será minha reação ao ver quantas questões eu acertei; nem sei se terei coragem pra ver isso; Como eu sou fraca.
Medo de um monte de questões, de papel.
Querendo ou não, meu futuro ta ali, e o vestibular só me faz ver, que realmente, o fim desse ano, o triste fim desse ano, está a cada dia, que passa rápido demais, a cada dia maais e mais perto.
Pressão.. Pressão... PRESSÃO.
Solidão.

quinta-feira, 5 de novembro de 2009

Aahh HISTÓRIAA!

Pelo menos 5 pessoas me disseram entre ontem a noite e hoje de manhã, que eu deveria desistir de psicologia e fazer história!
Comecei a me interessar por ela no 2° ano. Foi quando eu comecei a desenvolver essa imaginação que eu tenho, foi quando eu deixei de apenas ler os capitulos que o professor mandava, e comecei A IMAGINÁ-LOS! ACREDITEM, É EMOCIONANTE! Pelo menos uma vez por dia eu ouço alguém dizendo que odeia história. auhaiuhs, eu cheguei a dizê-lo um dia.
Mas eu sempre tive um objetivo na minha vida, que era descobrir de onde eu vim, porque sou assim, porque o que mais interessa hoje é o dinheiro, como a gente chegou a esse sistema de governo, quando inventaram essas armas mortíferas que existem hoje! Porque o homem chegou a se odiar tanto, porque a cor e a raça influenciavam tanto numa pessoa, por que alguns seres humanos eram tido como superiores, porque hoje há fome, desemprego, matança, politicos corruptos. QUEM AJUDOU NAS MELHORIAS? QUEM PIOROU A SITUAÇÃO! QUEM CONSTRUIU ESSE MUNDO? QUEM ESCREVEU NOSSA HISTÓRIA?
AAAAAAAAAhh, que emocionante essas perguntas!
Na verdade, o que me inspirou mesmo foi um sonho. Acho que de tanto me dizerem que eu tenho mesmo é que me formar historiadora, eu acabei sonhando que palestrava segunda guerra mundial! asjioajsoijasoijas.
É tão.. tão.. emocionante poder ter imaginação para visualizar os conflitos, pra imaginar as bombas caindo, os discursos, as falcatruas, os acordos, as alianças!
é inexplicável. Achei que tinha esse affair apenas com a Segunda Grande Guerra, mas descobri que o Regime militar também é fascinante. E porque meu avô falava tanto de Getulio Vargas. Eu achei que Jango era um doce, quando era pequena e ouvia meus avós contando, Eles dizem que a crise de 1929 foi horrivel, e que eles dividiam um pão e um copo de agua entre 4 pessoas! é tão Bom poder ter alguém que te conte isso. Meu professor de física disse que na época que ele fazia faculdade, haviam tanques de guerra nas ruas!
Eu fico imaginando se eu vivesse nessas épocas, como será que eu agiria? Eu aceitaria me submeter a tortura, em troca de liberdade de expressão? Eu aceitaria ser censurada, e ter alguém me ditando o que fazer, não podendo abrir a boca, com medo de falar coisa errada e ser presa? Eu lutaria pela democracia? ou ficaria escondida nos cascos do medo?

A história ajuda a gente a descobrir quem somos, a entender a mente humana, a ver do que o homem foi capaz um dia, a nos prevenir para o futuro. A HISTÓRIA, SOMOS NÓS QUE FAZEMOS, A HISTÓRIA NUNCA ACABA, A HISTÓRIA SEMPRE SERÁ ESCRITA, ESCRITA, ESCRITA, ATÉ NÓS MORRERMOS E NOSSOS SUCESSORES CONTINUAREM A ESCREVÊ-LA. NOSSA HISTORIA É CHEIA DE HEROIS (FALSOS E VERDADEIROS!) É CHEIA DE PESSOAS ASTUCIOSAS, É CHEIA DE AÇÃO, CHEIA DE SOFRIMENTOS, CHEIA DE CONQUISTAS!

eu quero, literalmente: FAZER HISTÓRIA!