Páginas

sábado, 17 de outubro de 2009

Amor adolescente

Este poema, é o que eu fiz pensando em uma amiga, me inspirei em ver como ela ficava quando pensava em quem ela gosta! Ela tem um brilho diferente no olhar, quando olha pela janela do ônibus, voltando pra casa.
Ela olha pela janela e aprecia a paisagem de um jeito diferente, como se ela quisesse algo que está ali, como se ela pudesse pegar com os olhos uma imagem que passa.
Não quer conversar, apenas fica pensativa enquanto as lágrimas caem.
Todas as músicas passaram a se encaixar a ela, e todas as palavras começaram a lembrá-la da pessoa!
Ela não deixa de pensar nele o dia todo, e sempre quando pode, emprega o nome dele:




Quem é o INSANO dono do brilho do seu olhar?
Quem é o causador dessa esperança no ar?

Mas quando vejo ela chorar
Abraçando as pernas contra o peito
Remorso toma conta desta
Insolente poeta que insistiu em tentar ajudar!
Não conseguiu.. e ...
Apenas fez a viajante de ohos mesclados chorar!

Essa loirinha de olhos mesclados
se soubesse quanto me deixa feliz com
aquele sorrisinho acanhado!

é o Amor Adolescente
que cria esperanças e
um olhar diferente
é o amor adolescente
que passa voando pelas paisagens
nas janelas da nossa mente
é o amor adolescente
que é sínico, descarado e imprudente...
é o amor adolescente
que nasce, morre e revive, constantemente...
Amor adolescente torna tudo possível, INCONSEQUENTE!
Amor adolescente é o mais difícil de matar, quando se estabelece dentro da gente!
AMOR AMOR
amor adolescente!

Um comentário:

  1. Wonderful :D
    Anaa ,você é incrivel.

    Amei o texto e o poema.
    Amei a simplicidade das palavras e a grandiosidade dos sentimentos das entrelinhas.

    Parabéns .
    Amo você amiga .
    Beeijos

    ResponderExcluir

Diálogo?